Pai Antonio

Pai Antonio

Espírito que se manifesta como um preto velho, Pai Antonio foi um escravo em uma de suas encarnações, sendo também ele a primeira entidade a pedir uma guia (colar) de trabalho, até hoje usadas pelos membros da Tenda e carinhosamente chamado de "Guia de Pai Antonio".

Foi também o espírito responsável pela inserção na Umbanda dos pontos cantados, enquanto esteve presente incorporando na Tenda foi o responsável por grande número dos pontos criados. O primeiro ponto de Umbanda, nasceu logo na primeira sessão quando Pai Antonio pediu o seu cachimbo. Contando a história de sua passagem pela terra, ele explicou que por ser um senhor de idade, não ia mais para o corte da lenha, mas quando foi buscar um feixe de lenha para a sua necessidade, se sentiu cansado, encostou no tronco de uma árvore e nunca mais acordou. Quando perguntando se sentia falta de alguma coisa, lembrou que o único bem pessoal que não pertencia ao senhor era o seu pito, sendo este solicitado no ponto a seguir:

    “Meu cachimbo está no toco,
    Manda moleque buscar.
    Meu cachimbo está no toco,
    Manda moleque buscar.
    No alto da derrubada,
    Meu cachimbo ficou lá.
    No alto da derrubada,
    Meu cachimbo ficou lá.
    Que arruda tão bonita,
    Que vovó mandou arrancar.
    Que arruda tão bonita,
    Que vovó mandou arrancar
    Mas não chore meu netinho
    Que vovó manda plantar.
    Mas não chore meu netinho
    Que vovó manda plantar.”


Em outra encarnação, Pai Antonio teria sido um médico respeitado na região serrana do Rio de Janeiro, vem desta encarnação o seu conhecimento da medicina.

Uma ocasião, numa pequena reunião de cinco pessoas, um protetor caboclo descarregava os maus fluidos de uma senhora, enquanto também incorporado, um preto velho, Pai Antônio, fumava um cachimbo, observando a descarga.

    - Cuidado, caboclo avisou o preto. O coração dessa filha não está batendo de acordo com o pulso.

    - Como é que Pai Antônio viu isso? Deixe verificar, pediu um médico presente à sessão.

Depois da verificação, confirmou o aviso do preto, que o surpreendeu de novo, emitindo um termo técnico da medicina, e explicando que o fenômeno não provinha, como acreditava o clínico, de suas causa fisiológicas, porém de ação fluídica, tanto que terminada a descarga, se restabelecia a circulação normal no organismo da dama. E assim aconteceu.

O doutor, então, quis conversar sobre a sua ciência com o espírito humilde do preto, e, antes de meia hora, confessava, com um sorriso, e sem despeito, que o negro abordara assuntos que ele ainda não tivera oportunidade de versar, e estranhava:
 

- Pai Antonio não pode ser o espírito de um preto da África e não se compreende que baixe para fumar cachimbo e falar língua inferior ao cassanje¹.

Foram muitas as curas praticadas por Pai Antonio, outra pequena história, contada pelo Caboclo das Sete Encruzilhadas em uma de suas gravações fala sobre o Pai Antonio, nos mostrando o conhecimento que esse espírito possui da plantas presentes na natureza.

Certa vez em busca da cura de sua filha, o deputado federal José Meirelles em uma consulta Pai Antonio lhe responde:

    - Vai a tua casa, no último canteiro vai mexer a terra e encontrará algumas raízes, vai cozinhar essas raízes e dar a sua filha que ela estará curada.

Era a batata da angélica, porque não havia naquela ocasião flores, as batatas estavam somente de baixo da terra.


A menina ficou curada, e, após certo tempo, o deputado fundou uma das sete primeiras tendas por ordem do Caboclo das Sete Encruzilhadas.

Em outro ponto, Pai Antonio mostra seu conhecimento da medicina.

    “Da licença Pai Antonio,
    Que eu não vim lhe visitar,
    Eu estou muito doente,
    Vim pra você me curar.

    Se a doença for feitiço,
    Bulalá em seu gongá,
    Se a doença for de Deus,
    Ah, Pai Antonio vai curar.

    Coitado de Pai Antonio,
    Preto Velho curando,
    Foi parar na detenção ai,
    Por não ter um defensor.

    Pai Antonio é quimbanda, é curandô,
    Pai Antonio é quimbanda, é curandô,
    É pai de mesa é curandô,
    É pai de mesa é curandô,
    Pai Antonio é quimbanda, é curandô,
    Pai Antonio é quimbanda, é curandô."

Foi a última das entidades a parar de trabalhar com Zélio Fernandino de Moraes, acompanhou seu médium até o final de sua vida.

¹ Dialeto crioulo do português falado nessa região; por ext. português mal falado e escrito.

Poder do SAL GROSSO

*Muitas vezes julgamos as coisas pelo senso comum.

É importante sabermos do ponto de vista científico os efeitos de determinados agentes. O sal grosso tem um importante papel nesses estudos...

DESMISTIFIQUE ESSA IDEIA DE QUE O SAL GROSSO É COISA DE "MANDINGA”. *

*O sal grosso é considerado um potente purificador de ambientes. Povos distintos usam o sal para combater o mau-olhado e deixar a casa a salvo de energias nefastas. *

*O sal é um cristal e por isso emite ondas eletromagnéticas que podem ser medidas pelos radiestesistas. Ele tem o mesmo cumprimento de onda da violeta, capaz de neutralizar os campos eletromagnéticos negativos. Visto do microscópio o sal bruto revela que é um cristal, formado por pequenos quadrados ou cubos achatados. *

*As energias densas costumam se concentrar nos cantos da casa. Por isso,colocar um copo de água com sal grosso ou sal de cozinha equilibra essas forças e deixa a casa mais leve. Para uma sala média onde não circula muitagente, um copo de água com sal em dois cantos é suficiente. Em dois ou três dias já se percebe a diferença. Quando se formam bolhas é hora de renovar a salmora.

A solução de água e sal também é capaz de puxar os íons positivos, isto é,as partículas de energia elétrica da atmosfera, e reequilibrar a energia dos ambientes. Principalmente em locais fechados, escuros ou mesmo antes de uma tempestade, esses íons têm efeito intensificador e podem provocar tensão e irritação.*

*A prática simples de purificação com água e sal deve ser feita à menor sensação de que o ambiente está carregado, depois de brigas ou à noite no quarto, para que o sono não seja perturbado. *

*Banho de sal grosso e o antigo escalda-pés (mergulhar os pés em salmoura bem quente) têm o poder de neutralizar a eletricidade do corpo. Para quem mora longe da praia é um ótimo jeito de relaxar e renovar as energias. Já foi considerado o ouro branco (salmoura para conservar alimentos).*

*Os povos foram desenvolvendo técnicas de usar o sal, como as abaixo descritas:*

*Uma pitada de sal sobre os ombros afasta a inveja.*

*Para espantar o mau-olhado ou evitar visitas indesejáveis, caboclos e caipiras costumam colocar uma fileira de sal na soleira da porta ou um copo de salmoura do lado esquerdo da entrada.*

*A mistura de sal com água ou álcool absorve tudo de ruim que está no ar,ajuda a purificar e impede que a inveja, o mau-olhado e outros sentimentos inferiores entrem na casa.*

*Depois de uma festa, lavar todos os copos e pratos com sal grosso para neutralizar a energia dos convidados, purificando a louça para o uso diário.

*Tomar banho de água salgada com bicarbonato de sódio descarrega as energias ruins e é relaxante. O único cuidado é não molhar a cabeça, pois é aí que mora o nosso espírito e ele não deve ser neutralizado.*

*Na tradição africana, quando alguém se muda, as primeiras coisas a entrar na casa são... um copo de água e outro com sal. Usam sal marinho seco, num pires branco atrás da porta para puxar a energia negativa de quem entra.

Também tomam banho com água salgada com ervas para renovar a energia interna e a vontade de viver. *

·*No Japão, o sal é considerado poderoso purificar. Os japoneses mais tradicionais jogam sal todos os dias na soleira das portas e sempre que uma visita mal vinda vai embora. Símbolo de lealdade na luta de sumô. Os campeões jogam sal no ringue para que a luta transcorra com lealdade.*

*Use esse poderoso aliado! É barato, fácil de encontrar, e pode lhe ajudar em momentos de dificuldade e de esgotamento energético! *

*Modo de tomar o banho de sal grosso... *

*Após seu banho convencional, deixe um punhado de sal grosso escorrer do pescoço para baixo, embaixo da água da ducha. Uma opção que agrada muitas pessoas é colocar um punhado de sal dentro de uma meia, e repousar esta na nuca (atrás do pescoço) debaixo da ducha. Não é aconselhável banhos frequentes com o sal.*

*Dê preferência para os banhos na fase da Lua Cheia, utilize velas no banheiro, e se quiser ativar sua intuição, apague as luzes do banheiro. *

*Benefícios de banhos e escalda pé com sal grosso*

*Fisiológicos*

*Ajuda a desintoxicar o corpo e afastar os vírus.*

*Estimula a circulação natural para a melhoria da saúde.*

*Ajuda a aliviar o pé do atleta, calos e calosidades.*

*Relaxa a tensão, dores musculares e nas articulações.*

*Ajuda a aliviar artrite e reumatismo.*

*Ajuda a aliviar a dor lombar crônica.*

*Estéticos*

*Tira as impurezas da pele.*

*Alivia irritações da pele como psoríase / eczema.*

*Alivia comichão, ardor e picadas.*

*Suaviza e amacia a pele.*

*Incentiva a pele a se renovar.*

*Ajuda a curar as cicatrizes.*

*Restaura o equilíbrio e a umidade da pele. *

*Ocupacional*

*Alivia o cansaço, os pés doloridos e os músculos da perna.*

*Alivia a tensão nas mãos e punhos.*

*Ajuda a aliviar lesões no desporto psicofísico. *

*Proporciona um relaxamento profundo. *

*Ajuda a aliviar o estresse e tensão.*

Pontos Cantados de Preto-velho.

Pontos Cantados preto-velhos
PONTOS DE UMBANDA - PRETOS VELHOS
LÁ NO CRUZEIRO DIVINO
AONDE AS ALMAS VÃO REZAR (BIS)

ELAS CHORAM DE ALEGRIA
QUANDO OS FILHOS SE COMBINAM
TAMBÉM CHORAM DE TRISTEZA
QUANDO NÃO QUER COMBINAR (BIS)



LÁ VEM OS PRETOS VELHOS
NA SUA ARUANDA
NA PAZ DE ZAMBI VEM SEUS FILHOS ABENÇOAR

ELE TRAZ NAS MÃOS O ROSÁRIO DE MARIA
E A LUZ BENDITA DO PAI OXALÁ (BIS)


MEU SÃO MIGUEL QUE VEIO DE ARUANDA
ELE É QUEM PESA AS ALMAS COM ORDENS DE OXALÁ (BIS)

MEU SÃO MIGUEL, COM A BALANÇA NA MÃO
ELE É O REI DAS ALMAS
É A NOSSA PROTEÇÃO (BIS)


A HISTÓRIA QUE EU VOU CONTAR
PARTE QUALQUER CORAÇÃO
É A HISTÓRIA DOS PRETOS VELHOS
NO TEMPO DA ESCRAVIDÃO

NEGRO AMARRADO NO TRONCO
NEGRO JOGADO NO CHÃO
NEGRO COM OMBRO SAGRANDO
DA CHIBATA DO PATRÃO

DE DIA TRABALHOS FORÇADOS
CASTIGO à NOITE NEM SE FALA
NEGRO GEMENDO DE DOR
LÁ NOS FUNDOS DA SENZALA

E AINDA SE OUVE O LAMENTO
NEGRO NO CÉU A CLAMAR
"MALEIME, MEU PAI, MALEIME!
MALEIME, MEU PAI OXALÁ!"


JESUS E MARIA
SÃO JOÃO E SÃO JOSÉ
SÃO PEDRO ABRIU OS CÉUS
PARA AQUELES QUE TÊM FÉ

Ó SÃO MIGUEL ARCANJO
POR DEUS, QUEM SOIS, QUEM ÉS?
ROGAI AO NOSSO PAI, PARA AUMENTAR A NOSSA FÉ


QUEM VEM, QUEM VEM LÁ DE TÃO LONGE?
SÃO OS VELHINHOS QUE VÊM TRABALHAR! (BIS)

OI, DAI-ME FORÇAS, PELO AMOR DE DEUS, MEU PAI!
OI, DAI-ME FORÇAS PROS TRABALHOS MEUS! (BIS)


VOVÓ NÃO QUER CASCA DE COCO NO TERREIRO (BIS)

QUE É PRA NÃO SE LEMBRAR DOS TEMPOS DO CATIVEIRO (BIS)


BATE NA CUMBUCA
OI, REPINICA NO GONGÁ!
CHAMA NOSSO POVO E VAMOS TRABALHAR!


CAJUEIRO BENTO AONDE NASCEU JESUS (BIS)

Ó VIRGEM IMACULADA, RAINHA DA SANTA CRUZ (BIS)

ABRE AS PORTAS DO CÉU, SÃO PEDRO
DEIXA AS ALMAS TRABALHAR! (BIS)


QUANDO A PRINCESA IZABEL
LIBERTOU A ESCRAVIDÃO
OS NEGROS LÁ DA SENZALA
"VEIO" DE JOELHOS AO CHÃO
E AGRADECENDO AO PAI
NUM PRANTO DE REUNIU

E AINDA HOJE SE OUVE
PELOS CANTOS DO BRASIL (BIS)

NAVIO NEGREIRO AFUNDOU
E O TRONCO VAMOS QUEIMAR
E OS PORTÕES DA SENZALA
VAMOS TAMBÉM DERRUBAR! (BIS)


EU VOU REZAR UMA PRECE
EM LOUVOR AOS PRETOS VELHOS (BIS)

AVE MARIA, CHEIA DE GRAÇAS
O SENHOR E CONVOSCO
BENDITA SOIS VÓS
ENTRE AS MULHERES
BENDITO É O FRUTO DO VOSSO VENTRE
NASCEU JESUS


LOUVA A DEUS
LÁ NO REINO DOS CÉUS
E AGORA LOUVAMOS
COM AMOR E COM FÉ (BIS)

Ó MÃE PRETA ABENÇOADA,
Ó PRINCESA IZABEL! (BIS)

BATE O ATABAQUE QUE A CORIMBA COMEÇOU
E OS PRETOS VELHOS AGORA VÃO FESTEJAR
A NOSSA BANDA, ELA É FEITA DE UNIÃO
GRAÇAS A DEUS, ACABOU A ESCRAVIDÃO!


COM TANTA ESCOLA NO MUNDO
OS PRETOS VELHOS NÃO APRENDERAM A LER (BIS)

OS PRETOS VELHOS "APRENDEU" FEITIÇARIA, MEU PAI
NA MESA DE CANJERÊ (BIS)


GOSTO MUITO DO MEU VOVÔ
FOI ELE QUEM ME AJUDOU (BIS)

VOVÔ, ESTE FILHO É TEU!
SALVE A COROA, VOVÔ!
QUE OXALÁ LHE DEU! (BIS)


SE A CACHIMBA TÁ NO TOCO
MANDA MOLEQUE BUSCAR (BIS)

NO ALTO DA DERRUBADA
MINHA CACHIMBA FICOU LÁ (BIS)


PLANTEI A FOLHA
QUE O VELHO MANDOU PLANTAR (BIS)

PARA EU COLHER A FOLHA PARA O VELHO TRABALHAR (BIS)

APANHA MILHO E JOGA MILHO NO TERREIRO
CUIDADO COM ESTE VELHO
QUE ESTE VELHO É MANDIGUEIRO (BIS)


AI, VOVÓ, EU TENHO MEDO (BIS)

AI VOVÓ, EU TENHO MEDO
QUE A FUMAÇA DO TEU CACHIMBO DESCUBRA OS MEUS SEGREDOS!


ESTAVA RALANDO COCO
EM CIMA DE UM CAIXÃO (BIS)

CHEGOU IAIÁ DIZENDO
"NÃO RALE O COCO NO CHÃO!" (BIS)

"RALE O COCO, SINHÁ!"
"ESTOU RALANDO!"
"RALE O COCO, SINHÁ!"
"QUE TEM DENDÊ!" (BIS)


AI, PATRÃO, MAS EU TAMBÉM SEI CARREAR (BIS)

COM A JUNTA DE BOI PRETO
OUTRA JUNTA DE BOI TATÁ
BOTO A CANGA NO BOI PRETO
E VOU BUSCAR CANAVIAL (BIS)


MANGANGA ZUNIU
ZUNIU É NO OCO DO PAU (BIS)

É NO OCO DO PAU É QUE TEM DENDÊ (BIS)


BAHIANO É MAU, QUE NEM SURUCUCU, OI GANGA (BIS)

MEXE NA TOCA, OI GANGA, BAHIANO ZANGA (BIS)


FOI COM AS ALMAS
COM AS ALMAS QUE EU CONHECI MACUMBA ! (BIS)

COM AS ALMAS QUE EU CONHECI
PAI BENEDITO
FOI COM AS ALMAS !
COM AS ALMAS QUE EU CONHECI MACUMBA !

COM AS ALMAS QUE EU CONHECI... (TROCANDO OS NOMES DOS PRETOS-VELHOS)


EU ANDAVA PERAMBULANDO
SEM TER NADA PRA COMER
EU PEDI AS SANTAS ALMAS
PARA VIR ME SOCORRER

FOI AS ALMAS QUEM ME AJUDOU ! (BIS)
E O DIVINO ESPÍRITO SANTO !
SALVE A DEUS, NOSSO SENHOR !


BLÉM, BLÉM, BLÉM
BATERAM NA PORTA DO CÉU !
BLÉM, BLÉM, BLÉM
SÃO PEDRO ABRIU, FOI VER QUEM É !

OI, ERAM AS ALMAS ! (BIS)
OI, ERAM AS ALMAS DO ROSÁRIO DE MARIA !

A LINHA DAS ALMAS É UMA LINHA SEM DÓ
EU NUNCA VI LINHA DE FORÇA MAIOR ! (BIS)

OI, VIVA AS ALMAS !
OI, VIVA AS ALMAS !
OI, VIVA AS ALMAS DO ROSÁRIO DE MARIA ! (BIS)


SANTO ANTÔNIO E SÃO BENEDITO
AI, ME ENSINARAM A CURIMBAR ! (BIS)

SANTO ANTÔNIO SEGURA A GIRA !
SÃO BENEDITO É QUEM SEGURA ESTE GONGÁ ! (BIS)

SANTO ANTÔNIO ERA MENINO
BENEDITO ERA RAPAZ (BIS)

CORRE, CORRE, SANTO ANTÔNIO !
EU QUERO VER QUEM CORRE MAIS ! (BIS)


CORTEI O PAU
MAS NÃO PUDE CARREGAR (BIS)

NA PONTA TEM MARIMBONDO
NO MEIO TEM MANGANGABA (BIS)

CORTEI O PAU
E DEPOIS FIZ A CANOA (BIS)

EMBARQUEI O POVO TODO
E DEPOIS FIQUEI ‘A TOA ! (BIS)


NA SERRARIA
TEM PRETO-VELHO SERRANDO ! (BIS)

UM EM CIMA, OUTRO EMBAIXO
CAVACO TAVA ROLANDO ! (BIS)


EU JÁ PLANTEI CAFÉ DE MEIA !
EU JÁ PLANTEI CANAVIAL !
CAFÉ DE MEIA NÃO DÁ LUCRO, SINHÁ DONA !
CANAVIAL MARAFA DÁ !

OI, DEIXA A UMBANDA MELHORAR ! (BIS)
OI, DEIXA A UMBANDA MELHORAR, MEU DEUS DO CÉU !
OI, DEIXA A UMBANDA MELHORAR !


CONGO COM CAMBINA
AI, QUANDO VEM PRA TRABALHAR !
CONGO VEM POR TERRA
OI, CAMBINA VEM PELO MAR ! (BIS)

QUEM TRABALHA NA LINHA DE CONGO
OLHA CONGO, É CONGO ARUÊ !
QUEM TRABALHA NA LINHA DE CONGO
AGORA QUE EU QUERO VER !

QUEM DISSE QUE CONGO NÃO FIRMA
OLHA CONGO, ELE FIRMA N´ANGOLA !
OLHA CONGO VEM CHEGANDO
COM DEUS E NOSSA SENHORA !


BAHIA, Ó ÁFRICA !
VEM CÁ NOS AJUDAR ! (BIS)

FORÇA BAHIANA, FORÇA AFRICANA
FORÇA DIVINA, VEM CÁ, VEM CÁ ! (BIS)


QUEM TEM BAHIANO, AGORA EU QUERO VER
DANÇA CATIRA NO AZEITE DE DENDÊ

EU QUERO VER OS BAHIANOS DE ARUANDA
TRABALHANDO NA UMBANDA
PRA SEUS FILHOS PROTEGER !


BAHIA É MUITO LONGE
BAHIA ATRAVESSA O MAR ! (BIS)

BAHIA SÓ É TERRA
PRA QUEM SABE TRABALHAR (BIS)

CADÊ A MINHA PEMBA ?
CADÊ A MINHA GUIA ? (BIS)

SUA TERRA É MUITO LONGE
SEU GONGÁ É NA BAHIA ! (BIS)


NA BAHIA TEM, VOU MANDAR BUSCAR
LAMPIÃO DE VIDRO, Ô SÁ DONA
PARA CLAREAR ! (BIS)

OS QUINDIM, OS QUINDIM, OS QUINDIM
Ô MUJONGO !
OLHA LÁ NO MAR !
OLHA LÁ NO MAR, Ô MUJONGO !
OLHA MUJONGO NO MAR ! (BIS)

SUA TERRA É MUITO LONGE, Ô MUJONGO !
NINGUÉM PODE IR LÁ !
NINGUÉM PODE IR LÁ, Ô MUJONGO !
OLHA MUJONGO NO MAR ! (BIS)


O NAVIO DE SÃO SALVADOR
VEIO DA BAHIA TÃO CARREGADO ! (BIS)

TROUXE CRAVOS, TROUXE ROSAS
PRETO-VELHOS QUE VINHAM DE LADO ! (BIS)

VOU ESPERAR, VOVÔ ! (4X)


QUEM FOI QUE DISSE
QUE A BAHIA NÃO É TERRA BOA ? (BIS)

BAHIA TEM VATAPÁ !
BAHIA TEM ISQUINDIM !
TEM PIMENTA MALAGUETA E AZEITE DE DENDÊ ! (BIS)

EU VOU CHAMAR POVO BAHIANO
PARA ME FAVORECER ! (BIS)

PISA BAHIANO !
PISA BAHIANO !
PISA BAHIANO NESTE GONGÁ ! (BIS)

EU VOU CHAMAR POVO BAHIANO
PARA ME FAVORECER ! (BIS)


EU FUI à BAHIA
E IMPLOREI AO MEU SENHOR DO BONFIM (BIS)

QUE ELE ME AJUDASSE
A SEGUIR NA UMBANDA MEU CAMINHO ATÉ O FIM !

MEU SENHOR DO BONFIM, ME AJUDA !
EU PRECISO DE PAZ E SAÚDE ! (BIS)


QUANDO EU CHEGUEI DA BAHIA
ESTRADA EU NÃO VIA ! (BIS)

EM CADA ENCRUZA QUE EU PASSAVA
UMA VELA EU ACENDIA ! (BIS)


CIPRIANO FURA O PAU
LÁ NAS MATAS DA BAHIA (BIS)

SE A CASCA DO PAU CHORAVA, CIPRIANO
MIOLO DO PAU GEMIA ! (BIS)


LÁ VEM VOVÓ
DESCENDO A SERRA COM SUA SACOLA
E COM SEU PATUÁ E COM SUA BENGALA
ELA VEM DE ANGOLA ! (BIS)

EU QUERO VER, VOVÓ !
EU QUERO VER !
EU QUERO VER SE FILHO DE PEMBA TEM QUERER ! (BIS)


ELE VEM DE ANGOLA, PAPAI !
ELE É ANGOLEIRO, MAMÃE !
COM A MÃO NA PEMBA, PAPAI !
ELE É LIGEIRO, MAMÃE !


VOVÓ TEM SETE SAIAS
NA ÚLTIMA SAIA TEM MIRONGA
VOVÓ VEIO DE ANGOLA
PRA SAUDAR FILHOS DE UMBANDA ! (BIS)

COM SEU PATUÁ !
E A FIGA DE GUINÉ !
VOVÓ VEIO DE ANGOLA
PRA SAUDAR FILHOS DE FÉ ! (BIS)


LÁ NA ANGOLA TEM UM VELHO
QUE NÃO PODE MAIS ANDAR (BIS)

LÁ NA ANGOLA TEM UM VELHO
QUE NÃO PODE MAIS ANDAR
ELE VAI BATER MACUMBA
ATÉ O DIA CLAREAR ! (BIS)

DANDÁ, VOVÓ, DANDÁ !
DANDÁ, VOVÓ, DANDÁ !
DANDÁ, VOVÓ, DANDÁ !
DANDÁ, VOVÓ, DANDÁ !


MINEIRO TAVA DORMINDO, AUÊ !
NA PORTEIRA DO CURRAL, AUÊ ! (BIS)

PRA QUÊ QUE CHAMOU MINEIRO, AUÊ !
CANSADO DE TRABALHAR, AUÊ ! (BIS)

SOU MINEIRO, SOU DE MINAS
SOU DE MONTE ALEGRE ! (4X)


ELE É CARREIRO
DA ESTAÇÃO DA LEOPOLDINA
VINHA CARREANDO BOI
LÁ PELAS BANDAS DE MINAS (BIS)

AI, MINEIRO, EI !
AI MINEIRO, AI !
QUE BANDA BOA
COMO A DE MINAS NÃO HÁ ! (BIS)


MINEIRO TEM
MINEIRO JÁ PLANTOU (BIS)

AI, MINEIRO SÓ PLANTA MILHO
PRETO-VELHO PENEIROU (BIS)


BENEDITO É PRETO, OI CAMBINA
MORA NO ROSEIRAL (BIS)

SANTO REZADOR, OI CAMBINA !
CHEFE DE GONGÁ, OI CAMBINA ! (BIS)


VOVÓ CONGA TEM MUITA MIRONGA
XANGÔ DA PEDREIRA MANDOU LHE CHAMAR ! (BIS)

EU QUERO VER, VOVÓ CONGA CHEGAR !
SEU CAVALO VAI BALANCEAR ! (BIS)


QUEM É AQUELE VELHINHO
QUE VEM NO CAMINHO
ANDANDO DEVAGAR ?
COM SEU CACHIMBO NA BOCA
PUXANDO A FUMAÇA E JOGANDO PRO AR (BIS)

ELE É DO CATIVEIRO,
ELE É PAI MANOEL
ELE É MIRONGUEIRO ! (BIS)


O PAI MANÉ É ANGOLEIRO, Ô Ô Ô
ELE É O REI MAIOR !

TRABALHAVA NA SUA QUIMBANDA
ELE É REI MAIOR !


PAI JOAQUIM, CADÊ PAI MANÉ ?
TÁ NA MATA APANHANDO GUINÉ ! (BIS)

DIZ A ELE QUE QUANDO VIER
QUE SUBA AS ESCADAS
NÃO BATA COM O PÉ ! (BIS)


PAI JOAQUIM, Ê, Ê !
PAI JOAQUIM, Ê, Á !

PAI JOAQUIM É REI DE ANGOLA !
PAI JOAQUIM É DE ANGOLA, ANGOLÁ !


TIA MARIA, SEU LENÇO CAIU NO CHÃO ! (BIS)

ABAIXA, “PANHA” TEU LENÇO
QUE EU NÃO SOU TEU “NÊGO” NÃO ! (BIS)


SEU JOÃO BAHIANO, TRABALHA
TRABALHA UMA VEZ SÓ !
ELE TRABALHA COM O GALO CARIJÓ ! (BIS)

JÁ JOGUEI MILHO PROS SEUS PINTOS NO TERREIRO
CUIDADO COM ESTE VELHO !
QUE ESTE VELHO É MANDINGUEIRO ! (BIS)


SANTO ANTÔNIO DE PEMBA,
SEGURA A CURIMBA,
SEGURA O GONGÁ !
EU SOU FILHO DE PEMBA !
EU NÃO POSSO CAIR, EU NÃO POSSO PARAR ! (BIS)

MAS COMO VALIOU, Ô Ô !
MAS COMO VALIOU, Ô Ô !
MAS COMO VALIOU
SANTO ANTÔNIO DE PEMBA
COMO VALIOU ! (BIS)

MEU SANTO ANTÔNIO É PEQUENINO, AUÊ
ME ABRE AS PORTAS DO CÉU, AUÊ
CAMBINA PRETA ESTREMECEU, AUÊ
MAS NÃO CAIU NO MUNDÉU

SEGURA O TOURO, CAMBINA
AMARRA NO MOURÃO
SE O TOURO É BRAVO, CAMBINA
NÃO DESABUSE NÃO
SEGURA O TOURO, CAMBINA
AMARRA NO MOURÃO
SE O TOURO É BRAVO, CAMBINA
NÃO DESABUSE NÃO


CATARINA DE UMBANDA
NÊGA VELHA DE DENDÊ !
FUMA FUMO DE ROLO
E DESMANCHA CANJERÊ (BIS)

MINHA SANTA CATARINA,
ESTEJA SEMPRE COMIGO !
ME AJUDE A VENCER BATALHA,
COMBATER MEUS INIMIGOS ! (BIS)


OLHA O PINTO PIOU NO POLEIRO !
OLHA O GALO CANTOU LÁ NA ANGOLA ! (BIS)

É VOVÓ CATARINA QUE VEM DE ARUANDA
TRAZENDO MIÇANGA NA SUA SACOLA ! (BIS)


EU VOU SUBIR A SERRA
VOU CHAMAR SEU ZÉ MINEIRO !
PRECISO DA TUA AJUDA,
NEGRO VELHO MANDINGUEIRO ! (BIS)

AI MINEIRO, EI !
AI MINEIRO, EI !
AI, MINEIRO, AI !
FIRMA PONTO, MINHA GENTE !
ZÉ MINEIRO VAI CHEGAR ! (BIS)


FILHO, SE VOCÊ PRECISAR,
É SÓ PENSAR NA VOVÓ,
QUE ELA VEM TE AJUDAR ! (2x)

PENSA NUMA ESTRADA LONGA “ZI FIO”
NO TEU JACUTÁ
E NUMA CASINHA BRANCA, “ZI FIO”
QUE A VOVÓ “TÁ LÁ”

SENTADA NUM BANQUINHO TOSCO, Ô “ZI FIO”
COM SEU ROSÁRIO NA MÃO !

PENSE NA VOVÓ MARIA REDONDA
FAZENDO ORAÇÃO ! (2x)


BAHIA
É MUITO LONGE
LÁ QUEM MANDA É O SENHOR DO BONFIM (2x)

VOVÓ ROSA
VEM DA BAHIA !
ELA É A TUA MÃE
QUE OXALÁ MANDOU ! (2x)


A LUA VAI SURGIR
LÁ, E VEM BAHIANO !

O SOL JÁ SE ESCONDEU
LÁ, E VEM BAHIANO !

AS ONDAS DO MAR BATIAM

E VEM JOÃO BAHIANO
FEITICEIRO DA BAHIA ! (2x)


VELHO BERNARDO QUANDO VEM DE MINAS ( ou CONGO)
VEM COM SEU CAVALO ARRIADO (2x)

DE MANHÃ BEM CEDINHO
VAI PASTORAR O SEU GADO (2x)

LÁ NA CAMPINA
TEM VENTO PRA TODO O LADO !
TEM VENTO QUE BALANÇA TUDO
SÓ NÃO BALANÇA O VELHO BERNARDO ! (2x)


MEU SENHOR NÃO MALTRATE ESTE NEGRO !
QUE ESTE NEGRO CARO LHE CUSTOU ! (2x)

ELE USA CAMISA LISTRADA
CALÇA DE FLANELA
E CHAPÉU DE DOUTOR ! (2x)


LÁ NA RUA DA AMARGURA
JESUS DEU FORÇAS A CIPRIANO !
QUE CANTAVA TODO DIA,
QUE CANTAVA TODO DIA,
TODA HORA E TODO ANO ! (2x)

AH, COMO GIRA !
COMO GIRA DENTRO DO GONGÁ ! (2x)

SE NÃO FOSSE FILHO DE PEMBA,
SÕ CIPRIANO NÃO VINHA CÁ ! (2x)

Ô, LELÊ !
Ô, LALÁ !
SÃO CIPRIANO NÃO VINHA CÁ ! (2x)


FAZENDA BOA !
FAZENDA DE SÃO VICENTE ! (2x)

NO MEIO DE TANTO BOI
ME MANDARAM UM BOI DOENTE ! (2x)


PRETO-VELHO MAIS CABOCLO
SÃO DOIS GUIAS COMPANHEIROS ! (2x)

PRETO-VELHO SEGURA A GIRA,
CABOCLO FIRMA TERREIRO ! (2x)


ADEUS,
ELES VÃO EMBORA !
PAI OXALÁ ESTÁ CHAMANDO ! (2x)

DEIXOU PAZ,
DEIXOU LUZ E HARMONIA !
DEIXOU SAUDADE,
ALEGRIA NOS CORAÇÕES ! (2x)


ADEUS, MEUS PRETOS-VELHOS
QUANDO EU PRECISAR LHE CHAMO ! (2x)

ZAMBI LHES TROUXE,
ZAMBI VAI TE LEVAR ! (2x)

AGRADEÇO A TOALHA DE RENDA, DE BICO
QUE DEIXOU FICAR ! (2x)


O NAVIO APITOU, Ô, Ô !
VAI DE MAR AFORA ! (2x)

SÃO OS PRETOS-VELHOS
QUE JÁ VÃO EMBORA ! (2x)


MAIS UMA ROSA NO JARDIM APARECEU
UMBANDA ESTÁ LHE CHAMANDO
E LÁ VOU EU ! (2x)

OI, VIVA ZAMBI !
NESTE GONGÁ !
NUNCA VI TANTA MIRONGA NESTE JACUTÁ ! (2x)


PRETOS-VELHOS VÃO EMBORA
O QUE DÁ ELES PRA LEVAR ? (2x)

LEVA SAUDADE DOS FILHOS
NO CAMINHO VELHO VAI CHORAR ! (2x)


PRETO-VELHO ESTÁ CANSADO
DE TANTO TRABALHAR
PRETO-VELHO ESTÁ CANSADO
DE TANTO CURIMBAR

PEGA A PEMBA E RISCA PONTO,
QUE É LONGA A CAMINHADA !
QUEM TEM FÉ TEM TUDO !
QUEM NÃO TEM FÉ NÃO TEM NADA !

QUEM TEM FÉ TEM TUDO !
QUEM NÃO TEM FÉ NÃO TEM NADA !


NEGRO NO CATIVEIRO
NEGRO NA SENZALA
NENHUMA CHIBATA LHE CORTA
NENHUM CASTIGO LHE ABALA

O MAIOR DOS SENTIMENTOS
QUE ELE AQUI ENCONTROU
FOI VER SEUS FILHOS DE UMBANDA
NEGANDO AQUILO QUE ELE ENSINOU
FOI VER SEUS FILHOS DE UMBANDA
NEGANDO AQUILO QUE ELE ENSINOU

COMO POSSO FALAR?
COMO POSSO PEDIR?
PERDÃO A DEUS SE NÃO PERDOO A TI
COMO POSSO PEDIR?
COMO POSSO FALAR?
PERDÃO A DEUS SE NÃO SEI PERDOAR

CHORA, PRETO VELHO!
PEÇA PERDÃO! (2X)

QUEM SABE UM DIA, APRENDERÃO! (2X)


NA BAHIA, SIM
É QUE TEM OROBI
É QUE TEM OROBÔ! (2X)

É QUE TEM OROBI
É QUE TEM OROBÔ!
PIMENTA-DA-COSTA
MACUMBA IOIÔ! (2X)


NA FAZENDA DO LAJEDO
TEM QUATRO CANTOS QUADRADOS
CADA CANTO TEM UM TOCO
E EM CADA TOCO TÁ SENTADO

OI SINHÔ, SINHÔ!
AI, DEIXA NÊGO TRABALHAR! (2X)


EU FUI à BAHIA
PRA BEBER ÁGUA DE CÔCO

ÁGUA DE CÔCO
É BOA DE SE BEBER
QUEM BEBE ÁGUA DE CÔCO
NÃO MORRE DE CANJERÊ! (2X)


Ô Ô, ASSIM LAMENTAVA O NEGRO!
Ô Ô, SEU LAMENTO ERA DE DOR

Ô Ô, NO TEMPO DO CATIVEIRO
SÓ RECEBIA A CHIBATA DO MOCINHO MALFEITOR!

Ô Ô, HOJE SEU CANTAR É FESTA!
Ô Ô, ESCRAVIDÃO JÁ SE ACABOU!

Ô Ô, HOJE TODO NEGRO É LIVRE
PODE TER TUDO AQUILO
QUE UM DIA LHE FALTOU!


Preto na senzala
Bateu sua caixa
Deu viva à Iaiá
Preto na senzala
bateu na sua caixa
Deu viva à Ioiô (2X)

Viva Iaiá, Viva Ioiô !
Viva NOSSA Senhora !
O cativeiro já acabou (2X)


É o vento que balança a folha
Ô Guiné
É o vento que balança a folha (2X)

É, é, Pai Guiné
É o vento que balança a folha (2X)


Que preto é esse, ô calunga
Que chegou agora, ô calunga (2X)

É pai Joaquim, ô calunga
Que veio lá de Angola, ô calunga (2X)


A sineta do céu bateu
Oxalá já diz que é hora (2X)

Eu vou, eu vou, eu vou
Fica com Deus e Nª Senhora (2X)


SENHOR DO BONFIM FOI QUEM MANDOU
VOVÔ JOSÉ PARA SER SEU PROTETOR (2X)

SALVE A SUA PEMBA !
SALVE A SUA GUIA !
SARAVÁ SUA COROA
E TODO O POVO DA BAHIA !

É NA BAHIA QUE TEM AZEITE DE DENDÊ
TEM PIMENTA DA COSTA
E VOVÔ JOSÉ PRA FAZER CANJERÊ ! (2X)


meu pai antero na linha de umbanda
que banda é?
meu pai antero que vossa mandinga
segure a fé

erererê, ererá
erererê, meu pai antero, vem saravar!


NUMA NOITE LINDA
QUE TINHA LUAR
PRETO VELHO OROU A ZAMBI
PRA CATIVEIRO ACABAR (2X)

TRABALHA, NEGRO, TRABALHOU!
TRABALHA, NEGRO, TRABALHOU!
TRABALHA NEGRO, CATIVEIRO ACABOU! (2X)


Ô Ô, ASSIM LAMENTAVA O NEGRO
Ô Ô, SEU LAMENTO ERA DE DOR
Ô Ô, NO TEMPO DO CATIVEIRO
SO RECEBIA A CHIBATA DO MOCINHO MALFEITOR

Ô Ô, HOJE SEU CANTAR É FESTA
Ô Ô, ESCRAVIDÃO JÁ SE ACABOU
Ô Ô, HOJE TODO NEGRO É LIVRE
PODE TER TUDO AQUILO
QUE UM DIA LHE FALTOU


Ê, VOVÓ MARIA, PRETA VELHA DA BAHIA (2X)

SEGURA A BARRA DA SAIA
DANÇA NA PONTA DO PÉ
E QUANDO PEGA NO ROSÁRIO
TRAÇA UMBANDA E CANDOMBLÉ, VOVÓ MARIA

Ê, VOVÓ MARIA, PRETA VELHA DA BAHIA (2X)

REZADEIRA DE QUEBRANTO
MAL OLHADO E DESENCANTO
FEITICEIRA, CURANDEIRA
DOBRADORA DE JUNQUEIRA, VOVÓ MARIA

Ê, VOVÓ MARIA, PRETA VELHA DA BAHIA (2X)

FIRMA E SEGURA SEU PONTO
TUA PEMBA, MUITA FÉ
QUEM QUISER FALAR COM ELA
GANHA FIGA DE GUINÉ, VOVÓ MARIA

Ê, VOVÓ MARIA, PRETA VELHA DA BAHIA (2X)


 


Digite na caixa de pesquisa abaixo o que deseja encontrar no Site

Agradecemos sua visita Volte sempre....

Visite nosso site clique aqui

Traduzir Esta Página

Endereço

Av. Dona Sofhia Rasgulaeff  177.
Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
Telefone:
(44) 3034-5827 (44) 99956-8463
Consultas Somente com Hora Marcada.
Atendimento: de Segunda a sexta-feira
Das 09:00 as 19:00 horas.
Não damos consultas:

 via whatsapp ou via E-mail.



Mapa google

"Que Ogum te Abençoe hoje e sempre".


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Ao mestre com carinho

Oração a Pai João de Angola

Ogum

Oxum

Yansã

oracões

Xangô

Yemanjá

Oxossi

Oxalá

Oxumarê

Preto-velhos

Caboclos

Boaideiros na Umbanda

Baianos na Umbanda

Marinheiros

Pomba Gira

Maria Padilha

Oração de exu

Banhos de descarregos

Pontos Riscados de Exu

História de Rei Congo

Maria Redonda

Pontos Cantados diversos

Pontos Cantados Orixás

Galeria de Videos

Mensagem do Sr. Zé Pilintra

Pai José da Guiné

Exu Capa Preta

Exu 7 encruzilhadas

Exu Morcego

Mensagem de Pai joão de Angola

Histórias de Vovó Luiza

Atribuição dos Preto-velhos

Ogum Rompe Mato

Ogum Yara

A história de vovó Benedito

Oferenda de Oxum

Oferenda a Xangô

Oferenda de Ogum

Oferenda de oxossi

A Mediunidade, os orixás e os caboclos

Orações Diversas

Os filhos de Omulu

Mensagens de Natal

Porque os exus riem

Cigano Pablo

Cigana Esmeralda

Mensagem de Ogum

Altar virtual

Altar Virtual dos Orixás

Altar dos Preto-velhos

Altar de Nossa Senhora

Altar de ogum

Altar de Oxum

Altar de Exu

Videos de preto-velhos

Descubra o seu Orixá

Livro de Visitas

Livro de Visitas 2

10 erros cometidos por médiuns

A tristeza dos Orixás

Altar na umbanda

Amor palavra de ordem na gira

As falanges de trabalhos na umbanda

Assistência

Atitudes interiores

Bandeira branca de Oxalá

Cantos e palmas num terreiro

Como acontece a gira

Como ler ouvir observar e saber se aquilo é certo

Conduta Moral

Conduta no terreiro de umbanda

Conflitos

Conflitos Familiares

Cores e a umbanda

Cumprimentos e posturas

De olho Fechados

Deus não te Fez para sofrer

Deus salve a Umbanda

O dia de Finados na Umbanda

ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA

Entendendo a inveja

ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA

Expressões usadas na Umbanda

Exu não é fofoqueiro

Exu não é o diabo

Falta de doutrina e comprometimento

Faz caridade fio

Faz o bem sem ver a quem

Fumos e Bebidas

Fundamentação doutrinátoria

Guias e Colares

Hierarquia na Casa de Umbanda.

Humildade

Jogaram uma carga pesada pra cima de mim

Linha de Esquerda: "Exu e ´Pomba-Gira"

Mediunidade na Umbanda

Mediunidade, um passo de cada vez

Mensagem de Caboclo 7 Flexas

MIRONGA DE PRETO VELHO

NÃO ABANDONES O TEU POSTO DE SERVIÇO

Normas dos terreiros

Nossos Umbigos

O maior inimigo da Umbanda

O pequeno universo do umbandista

O Perdão Não tem Contra-indicação

O templo que vos acolhe

OBRIGAÇÕES NA UMBANDA

Obrigado, vovô

Oração do umbandista

Orixá de Cabeça

Os Caboclos na Lição de Pai João

Os médiuns são Parceiros

Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós!

Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orientada

Página inicial textos de Umbanda

Clique aqui.


Deste Site


Pai João de Angola
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • Orações
  • Oxum
  • As pombas giras
  • Maria Padilha
  • Comida de Santo
  • Cosme e Damião
  • Giras de Umbanda
  • Homenagem a Zé Pilintra
  • Xangô senhor da Justiça
  • Yemanjá
  • banho de descarrego
  • Simpatias Diversas
  • Guias Contas e colares
  • Defumações
  • Batismo na Umbanda
  • Conselhos de Preto velhos
  • Escrava Anastácia
  • Marinheros na Umbanda
  • Pai Benedito
  • Homenagem a Tranca Rua
  • Baiano zé do Coco
  • Obá
  • Descarrego de Polvora
  • Ciganos na Umbanda
  • Sara Kali
  • Oxossi
  • Oxumarê
  • Preto-velho na Umbanda
  • Cabocla Jurema
  • Omulu-Obaluaie
  • Altar Virtual
  • Mãe Maria Conga
  • Boiadeiros na Umbanda
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de exu
  • Altar Virtual dos Orixás
  • batizando-na-umbanda
  • Ossãim
  • O que è Caridade
  • Ogum em video
  • Caboclo boiadeiro
  • Ser Médium
  • Pontos e videos de defumação
  • Caboclos na Umbanda
  • Como acontece a Gira
  • reflexão em Videos
  • Conduta moral
  • Anjo da Quarda
  • Curiosidades
  • Intolerância Religiosa
  • Mediunidade
  • Corrente mediunica
  • Orações 2
  • tronqueira
  • Mensagens em slaides
  • Casamento na Umbanda
  • pontos cantados 2
  • Oxalá
  • Sincretismo religioso
  • Caracteristicas dos filhos
  • Altar dos Preto-velhos
  • Exu
  • Umbanda
  • Quimbanda
  • Orações das almas
  • hierarquia na umbanda
  • Livre se da Depressão
  • Reflexões
  • 7 chaves da Felicidade
  • Mensagens Espiritas
  • Tia maria de Minas
  • Minutos de sabedoria
  • Exus e pombas Giras
  • Mensagens de Otimismo e Fé
  • Convite aos Umbandistas
  • 13 de Maio
  • Combatendo o alcoolismo
  • Recomeçar de Novo
  • Superando as Percas
  • Perdoar a si mesmo
  • Decepções
  • Conceito Básico
  • Zumbi dos Palmares
  • Maria Bueno
  • Mini Série Oxum
  • Reconciliação
  • indiferença
  • desencarnar
  • Pontos Mp3 Orixás
  • O Médico dos médicos
  • Livro de Visitas
  • Corrente de Orações
  • Mensagem de Tranca-Rua
  • Conflitos Familiares
  • Amor e Ódio
  • Exu tiriri
  • Um abraço fraterno
  • Prece Aos Caboclos
  • O que Falta na umbanda
  • Mensagem de Vovó Maria Conga
  • Lições de sabedoria
  • Ajudar faz Bem
  • A umbanda que eu amo
  • Preto-velho x Exu
  • Frustrações
  • Batendo cabeça
  • Aprenda a Dizer Não
  • Insatisfação com a Vida
  • Oferenda de Marinheiro
  • Conselhos aos casais
  • Vovó Benta
  • Pai Cipliano
  • O Uso das velas
  • O luxo na Umbanda
  • Salmos Recomendados
  • Yansã
  • Pontos Riscados
  • Como combater a Inveja
  • Nanã de Buroque
  • Pai Guiné
  • Pai Tomé
  • Pai Antônio
  • Prece aos Orixás
  • Altar de Nossa senhora
  • Altar Virtual de Ogum
  • Altar Virtual de Oxum
  • Livro de Visitas 2
  • Ao mestre com carinho
  • Sabedoria de preto-velho
  • Fofocas no terreiro
  • Histórias de Preto velho
  • Aos médiuns da corrente
  • Orixá logum edê
  • História de Vó Cambinda
  • Pai Serafim de Aruanda
  • Pontos Cantados

  • JOÂO.mp3