Baiana Sete Saias

Baiana Sete Saias


Baiana Sete Saias
A Baiana Sete Saias nasceu no norte da Bahia num vilarejo chamado Pilão Furado. Era de uma família muito pobre, até que um dia sua mãe, Baiana Dolores, vendeu sua filha para uma dona de cabaré, Dona Carlita, por alguns fardos de arroz, feijão, camarão seco e banha de porco, para alimentar seus outros filhos, Maria Baiana Sete Saias, Maria Saias, Zé Sete Facão, Baiana Sete Coco.
Sua mãe chorava muito, pois Sete Saias era a mais velha dos filhos a quem ajudava muito nos trabalhos do lar e na pesca de camarão. Ela se despediu da família e foi morar com a dona do cabaré Carlita.
Sete Saias conta que não era mulher de cabaré, mas sim ajudava a dona Carlita na cozinha, e com os fregueses. Fazia muitas comidas como bobó, acarajé, vatapá, e outras iguarias, até que certo dia um rapaz moreno claro, olhos castanhos, cabelos cacheados e muito belo , começou a frequentar o cabaré.
Quando Baiana Sete Saias avistou ele, foi paixão na certa, ela nunca tinha namorado. A dona do cabaré tinha muito ciúmes dela com os clientes, por ela ser muito bonita, morena com cabelos até as costas, olhos castanhos claros, sábia, educada, recatada e não aceitava nem um namoro da baiana, mas eles foram se vendo cada vês mais. Ele muito apaixonado pediu sua mão em namoro para dona Carlita. Ela disse não “nem pensar tu tá doido cabra da peste” e proibiu Baiana Sete Saias, de servir o belo rapaz apaixonado.
Eles não se aguentavam mais de saudades quando marcaram um encontro através de sua amiga Baiana Flor. Ela escreveu um bilhete para Baiana Sete Saias e entregou ao rapaz ela disse “meu amor não consigo ficar sem você quero fugir, vamos?” Então ele respondeu “vamos amorzinho hoje de madrugada”. Naquela noite ela se deitou para dormir, mas não dormiu então quando todos foram dormir sua amiga disse: “vamos, seu amor te espera”, Baiana Sete Saias saiu rapidamente. Lá fora com um burro na carroça esperava seu amor João do Cangaço, eles saíram em disparada com o burro, mas depois de mais ou menos 30 quilômetros, dona Carlita veio atrás de cavalo correndo em disparada chamando Baiana Sete Saias aos gritos. Ela olhava para trás e dizia “vamos ela esta perto de nós vamos, vamos!”
Em desespero eles não viram um brejo muito fundo e caíram lá. Num piscar de olhos suas vidas se foram por amor, sua dona Carlita chegou até o brejo e não avistou nada. Gritava, chorava e dizia “agora eu te dou sua liberdade”.
Baiana Sete Saias morreu com 27 anos, virgem.
Hoje, na Umbanda em evolução fazer a caridade entre o bem e o mal.
Seus filhos geralmente tem medo de acidente na estrada sem saber o porquê deste medo.

Ponto de Baiana Sete Saias
Maria baiana tem sete saias,
Para trabalhar na Umbanda.
No meio das sete saias,
Tem uma que tem mironga.
Baiana faz e não manda,
Não tem medo de demanda,
Baiana feiticeira,
Filha de Nagô,
Trabalha com pó de pemba,
Pra ajudar Babalaô.
Baiana sim,
Baiana vem,
Quebra a mandinga com dendê.

Linha de baianos – por Sandra Malentacchi
Na Umbanda a gira dos baianos é uma linha muito próxima de nós, eles viveram na Terra na força carnal, há muito tempo. Habitavam na Bahia, no serão do nordeste, e vieram para dar alegria, esperança e amor para todos nós. Muitos baianos são descendentes de escravos, e muitos deles foram babalorixás. Eles tem um grande conhecimento em magias, ervas, banhos, simpatias, são sábios. É uma linha muito boa de se trabalhar, porque é muito parecida com a nossa vibração.
Linha de baianos – por Sandra Malentacchi
“Alegria e Esperança”
“Bahia oh África, vem cá nos ajudar…
Força baiana, força Africana, força divina vem cá, vem cá..”
Na Umbanda a gira dos baianos é uma linha muito próxima de nós, eles viveram na Terra na força carnal, há muito tempo. Habitavam na Bahia, no serão do nordeste, e vieram para dar alegria, esperança e amor para todos nós. Muitos baianos são descendentes de escravos, e muitos deles foram babalorixás. Eles tem um grande conhecimento em magias, ervas, banhos, simpatias, são sábios. É uma linha muito boa de se trabalhar, porque é muito parecida com a nossa vibração.
Quero contar um pouquinho sobre dois grandes amigos espirituais, o meu querido baiano SEVERINO e minha querida BAIANA 7 SAIAS.
Como existem vários nomes iguais, existem também vários espíritos com o mesmo nome, até mesmo trabalham na mesma vibração ou até em vibrações diferentes por causa dos médiuns, dos terreiros, dos diferentes costumes, etc..
Mas vamos começar pelo baiano SEVERINO – esse espírito muito iluminado, arretado, falador e brincalhão, porém sábio, foi um babalorixá em vida, portanto muito ele sabe, mas trabalha numa linha de cura, faz cirurgias maravilhosas, como também é um grande conselheiro e amigo. Com seu punhal, seu lenço, e sua pinguinha, vai trabalhando e ajudando, operando e brigando pela paz na vida das pessoas. Atua também na retirada de espíritos sofredores (eguns). Obrigada por ser meu amigo SEVERINO.
“MAS OLHA MEU CAMARADA, CAMARADA MEU…. SE ELA É BAIANA AGORA QUE EU QUERO VER…
É SEVERINO QUE CHEGOU AQUI AGORA. COMER PIMENTA DA BRAVA
CANDOMBLÉ BATE NO KETU…UMBANDA BATE NA ANGOLA…” COM AZEITE DE DENDÊ” ……
BAIANA 7 SAIAS – trabalha lado a lado com o Severino, mas atua na área da magia, destruindo trabalhos de magias, unindo pessoas que foram desunidas através de magias negras. Essa baiana trabalha sempre cantando, tem sempre uma música para cantar e encantar a assistência, canta, briga, e chora quando mães maltratam filhos ou mesmo largam seus filhos, fala na cara da pessoa o que é certo ou errado.
Ela viveu na forma carnal com uma vida muito dura e seu filhinho morreu de fome, ela ficou vagando até poder encontrar seu filho no mundo espiritual. Preza muito a união familiar, e sempre que pode fala com as pessoas sobre o respeito e o amor.
Baiana 7 saias adora dar receitinhas – deixo aqui algumas .:
UMA BOA PARA O AMOR
Abra um coco maduro – tire a água e reserve. Escreva com lápis o nome do seu amor e o seu por cima. Guarde esse coco e a quartinha em lugar alto durante 7 dias. Passando esse período pegue o coco e a quartinha entregue aos pés de uma árvore pedindo a baiana 7 saias que adoce o seu amor. Aquela água que foi guardada leve junto e jogue na arvore. Deixe seu amor cada vez mais apaixonado.

      Baiano-varios-pontos-de-baianos


SEVERINO,COMO UM BOM BAIANO DEIXA UMA RECEITA EFICAZ PARA SAÚDE:
– Um alguidar pequeno
– 1 vela amarela e preta
– 1 copo com água e 1 flor copo de leite
– 1 oração do nosso senhor do Bonfim
Escrever o nome da pessoa doente num papel branco (de lápis). Colocar num lugar alto e pedir para o baiano Severino tirar a doença de fulano e que assim seja restabelecida a saúde ele ganhará uma garrafa de pinga coquinho. Vá fazendo seus pedidos sempre no mesmo horário durante 7 dias que a vela estiver queimando, fazendo sempre a Oração do nosso Senhor do Bonfim.
SALVE A BAHIA, SALVE TODOS OS BAIANOS, SALVE NOSSO SENHOR DO BONFIM
Ó MEU SENHOR DO BONFIM, VALEI-ME DE SÃO SALVADOR, VENHA AJUDAR ESSA GENTE…O POVO DA BAHIA CHEGOU…..
Os leitores podem estar enviando sugestões para a póxima edição.
Que Nosso Senhor do Bonfim ilumine a todos.
Sandra Malentacchi

  • Av. Dona Sofhia Rasgulaeff 177.
    Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
    Telefone: (44) 3034-5827 (44) 99956-8463
    Consultas Somente com Hora Marcada.
    Atendimento: de Segunda a sexta-feira
    Das 09:00 as 19:00 horas.
    Não damos consultas:
    via WhatsApp ou via E-mail e mensagens de celular.



Esta entrada foi publicada em Entidades de Umbanda. Adicione o link permanente aos seus favoritos.